núcleo de formação

de dança

A função da arte ultrapassa o exercício meramente cultural. O projeto Núcleo de Formação de Dança utiliza-se da dança como instrumento de inclusão e integração, apregoando uma cultura de paz e não-violência, voltada aos rumos da profissionalização e da ascensão social da juventude de baixa renda das periferias. O objetivo é o de formar para o futuro. Embalados pelo desejo de realizar um trabalho produtivo e que modificasse a realidade desses jovens, surgiu em 2004 o Núcleo de Formação em Dança, para proporcionar formação básica em dança contemporânea, a adolescentes e jovens com idade entre 12 e 26 anos.

A preocupação do projeto era principalmente de impulsionar a auto-estima de pessoas que vivem uma realidade ingrata, um abandono permanente e falta de perspectiva no futuro. De caráter intensivo e estruturador, o Núcleo oferecia de segunda a sexta-feira, no período da tarde, e com duração de 15 horas-aulas semanais, dança clássica, contemporânea, teoria/história da dança, atendimento psicológico, promovendo a ida dos alunos a espetáculos, com a finalidade de produzir reflexão, analise e discussão da dança, suas produções e seus sujeitos, fomentando o desejo de crescer como cidadão e como profissional.

A cada final de ano, o Núcleo de Formação em Dança apresentava performances e outras atividades, resultantes da conclusão do módulo. O desejo de profissionalização começa a se consolidar como meta tangível, suscitando, entretanto, uma preocupação legítima por parte dos professores e criadores, quanto à continuidade e ampliação desse tipo de projeto, pela dependência da gestão econômica pública.

O Núcleo de Formação em Dança ofereceu as ferramentas para que ocorresse o processo de profissionalização e cidadania, que, no entanto, dependeram da equação integrada entre a orientação correta e do empenho e dedicação dos participantes.

Com a realização do Núcleo surgiu então o Núcleo Experimental (2009/2010), criando um lugar que dessa vez dava vasão aos jovens que vieram desde

primeiro núcleo.

reciclarte

Seguindo essa motivação e a partir de experiências cênicas, o Núcleo Experimental se tornou a experiência intermediária entre os ex-alunos do Núcleo de Formação em Dança que queriam amadurecer e passar a integrar o corpo de baile do Grupo Experimental.Esta experiência fez com que houvesse um momento ímpar na vida do Grupo, onde além de contar com novos talentos, havia ainda uma troca de saberes entre artistas mais experientes com os recém chegados no universo da arte.

No total o Núcleo de Formação em Dança atendeu diretamente 650 jovens com aulas em 13 comunidades da Região Metropolitana do Recife, com uma equipe qualificada e empenhada a levar a dança para além da sala de ensaios do Grupo Experimental, onde cerca de 40% destes jovens trabalham ou realizam atividades de dança na cidade, no Brasil e ao redor do mundo.

Além disso, hoje há ex-alunos que integram companhias importantes do cenário nacional e internacional.

O Reciclarte é um projeto de formação e aprimoramento voltado para profissionais da dança, através de capacitação teórico-prática, realizada em sistema modular, tendo o espaço do Fórum de discussões como ponto de convergência e local do amadurecimento do diálogo sobre arte, política e cidadania.

A ideia é provocar a discussão sobre esse fazer, suas ações, inserções e implicações no contexto social, e ainda, sobre o espaço da dança de Pernambuco no cenário nacional e internacional.

Com isso o Reciclarte tem contribuído significativamente para a consolidação das conquistas da dança em todos os aspectos.

No processo de conclusão os participantes se reúnem em um encontro que funciona como culminância do projeto e possibilita, assim, a análise dos 

 percursos formativos, a partilha, e a avaliação dos seus resultados e o incentivo ao emprego dos conhecimentos adquiridos nos processos criativos destes artistas.

Com cinco edições realizadas, o Reciclarte passou pela Região Metropolitana, a Zona da Mata Norte, o Sertão do Moxotó e o Agreste Central de Pernambuco, com a presença de pesquisadores, bailarinos, coreógrafos, diretores de companhias, críticos, curadores e pensadores formando uma equipe qualificada para dar consistência ao que se propõe o projeto.

xxxxnúcleo na comunidade_1
xxxxfotos no espaço
xxxxRogerioAlves_114_Nucleo_Fig
xxxRogerioAlves_072_Nucleo_Fig cópia
xxxxRogerioAlves_175_Nucleo_Fig
xxxRogerioAlves_053_Nucleo_Fig
xxxxreciclarte recife
xxxxReciclarte2016_ClebioOliveira_Foto RogerioAlves_18
xxxxIMG_1441
xxxxxReciclarte_LuisRoberto_23_Foto RogerioAlves-Sobrado423
xxxxReciclarte_GilsaraMoura_28_Foto RogerioAlves-Sobrado423
xxxxxReciclarte_GilsaraMoura_12_Foto RogerioAlves-Sobrado423
xxxxxReciclarte2016_ClebioOliveira_Foto RogerioAlves_3